BLOGS: Blog do Cia

Blog UOL

28/04/2009

28/04 - vendidos.com.br (update)
O presidente o Irã desembarca no Brasil no início do próximo mês. Mais precisamente no dia 9 de maio, a convite da presidência da república (é crime a minúscula?). O nome do presidente do Irã é
Mahmoud Ahmadinejad. Se você não se lembra, foi ele quem disse que em seu país não existem homossexuais. E ele tem um pouco de razão. No Irã não existem homossexuais por que o estado, a polícia e as comunidades matam seus cidadãos gays antes mesmo que a puberdade chegue. E, quando um escapa dos 13, 14 anos, é morto antes dos 18. Alguns nem merecem julgamento, são executados por suas famílias ou apedrejados pelos vizinhos sem direito a uma palavra de defesa. É o horror na terra. É o inferno real.

É este mesmo presidente que acabou de dizer barbaridades sobre Israel e sobre os judeus. É este mesmo presidente que segue com pesquisas para desenvolver sua bomba nuclear de estimação. E é ele mesmo que Lula vai receber de braços abertos. E o que a militância gay brasileira fez? Eu pergunto. Protesto? Nenhum. Carta de condenação? Nenhuma. Ficou chateadinha? Ainda não. Pode ser que fique nos próximos dias. Até agora, nadinha. Tenho meus palpites em relação a esse ensurdecedor silêncio. O governo Lula tapou a boca da militância nacional. E o fez com propriedade. Com dinheiro. A militância gay brasileira fica calada em relação a qualquer ação de Lula e de seu governo. E a qualquer omissão dos mesmos.

Eu esperei uma reação da militância. Mas ela não apareceu. Na falta de uma, a gente pode ir no evento que a Juventude Judaica Organizada está organizando. "Um país democrático como o Brasil NÃO PODE receber um defensor do totalitarismo, da homofobia, do revisionismo histórico, da discriminação de mulheres e religiosa", diz o convite para o ato. O protesto rola em São Paulo, no próximo domingo, 3, na Praça dos Arcos (esquina da Avenida Angélica com a Avenida Paulista), a partir das 11 horas.

**
Paradas gays? Oh minha gente, quem ainda vai nelas?

**
29/04
O presidente da ABGLT, Toni Reis, enviou um e-mail para suas ONGS afiliadas na manhã desta quarta-feira, reproduzo abaixo:

Pessoal   LGBT  e  pessoas  aliadas;

 
Gostaria  de  receber   sugestões  do  poderíamos  fazer    para  protestar  contra a  visita 

Ahamadinejad -  Presidente  do  Irã

pessoalmente  estarei  em Brasília  nesta  data.

Um  abraço.

Toni


Escrito por Marcelo Cia às 20h17 Comentários Envie

15/04/2009

15/04 - Festa da JUNIOR
Nesta quarta-feira rola festa da JUNIOR#10 no Sonique, bar amigo que fica ali na Bela Cintra. Fazia tempo que não fazia festa para a revista. Dá o maior trabalho. Então no Sonique não vai ser tipo aquelas festas que rolaram no Vegas e no Glória _com shows, line up, decoração e afins. Desta vez é tudo mais cedo e mais tranquilo, sem bombação. Santiago Nazarian e Bispo são os DJs. Começa às 21h. Não convidei pessoalmente ninguém, mas convido aqui todo mundo. É só passar lá, dar um oi e tomar um drink com a gente. Além de ver a JUNIOR#10. Até.

Ps.: no aniversário de dois anos da JUNIOR, em setembro, a gente promete uma super festa.


Escrito por Marcelo Cia às 12h03 Comentários Envie

14/04/2009

14/04 - Uma certa preguiça
No fim de semana fui para vários clubes. Ou melhor, tentei ir. Tentei ir na Torre na quinta. Não deu. Estava muito lotada. Só passei em frente, vi a muvuca e fugi. Daí tentei ir no Secreto sexta. Idem. Glória. Idem. Preguiça de fila. Pregiça de muvuca. Mas beleza, era feriadão e a cidade estava animada. O que é ótimo. No sábado fui no Volt. Depois no Secreto. Terminei na The Week. Estava cheia quando cheguei, às 6h da manhã. E o sol reinava lá fora. A crise parece não ter atingido os clubes. Todos tão cheios...

Mas depois desta maratona toda, fiquei pensando se já não está na hora de São Paulo ganhar novos clubes. Sim, a gente sempre quer novos clubes. Não é isso. A pergunta melhor seria: será que São Paulo não está precisando de mais clubes? Parece que sim.


Escrito por Marcelo Cia às 19h44 Comentários Envie

07/04/2009

07/04 - Frágil, frágil
Tentei ir na academia hoje. Depois de vinte dias de fechamento. Mas daí peguei meu carro e fui em direção a tal academia, pertinho do trabalho e de casa. mas nem cheguei. O congestionamento me fez desistir. Por essa e por outras que ando cada vez mais de bicicleta. Pena é que os mesmos carros que lotam as ruas desta cidade são tão pouco sensíveis à fragilidade dos ciclistas. Eles fingem que não estão vendo as bikes, jogam o carro sobre elas, uns até xingam. Já uvi uma frase ótima: "lugar de bicicleta é na calçada". É claro que eu vou em cima também, crio caso mando se foder entre outras coisinhas menos bonitas. Parece muito a relação doentia que rola entre motoboys e motoristas. Confesso que estou bem mais do lado dos motoboys-ciclistas. É a única salvação para este caos paulistano.




Escrito por Marcelo Cia às 20h00 Comentários Envie

06/04/2009

06/04 - Uma noite no parque
No sábado passado estive no Parque dos Paturis, em Carapicuíba. Foi neste parque que em 18 meses 14 homossexuais foram mortos. 12 a tiros. 2 a pauladas. Os crimes todos me chocaram muito. E me lembraram das mortes ocorridas a partir do parque do Trianon nos anos 80. Naquela época os crimes foram atribuídos ao Maníaco do Trianon, mais tarde identificado como Fortunatto Boton Neto, um mihê que trabalhava na área, até hoje região de prostituição masculina. Foram treze assassinatos. Toda essa história está muito bem contata no livro "Dias de Ira", do jornalista Roldão Arruda.

O Paturis é um parque público todo aberto. Não há grades, nem portões. E não há iluminação alguma, principlamente nas áreas com vegetação fechada do local _onde os crimes ocorreram. Fiquei impressionado com a quantidade de homens que ainda frequentam o parque em busca de sexo. Mesmo com essas mortes todas o parque continua sendo destino de homens em busca de sexo rápido. Será que não sabem? Ou, se sabem, será que o desejo é mais forte que o medo? Ou ambos andam juntos?


Escrito por Marcelo Cia às 16h09 Comentários Envie


Busca
Infomix
Receba o boletim de notícias do Mix no seu e-mail.
2006 - MIX BRASIL - © Todos os direitos reservados